Advocacia em Brasília DF – Seja Bem Vindo(a)!

Renato Porto da Silva é advogado formado pela Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT) com especialização em Direito do Estado (Tributário, Administrativo e Constitucional) pela Universidade Estácio de Sá e Pós-Graduado em Direito Civil e Processo Civil pela faculdade Cândido Mendes. Atuou como Professor Substituto da UFMT nas disciplinas de Direito do Estado, Direito Tributário, Direito Administrativo. Tudo nas Faculdades de Direito, Administração e Contabilidade dessa renomada instituição de ensino superior.

No mesmo período, lecionou Direito Tributário e Processo Civil na faculdade AMEC\FAUSB que fica na cidade de Várzea Grande-MT, sendo, inclusive, homenageado como professor.

Condecorado com Ordem do Mérito Comendador Grão-Colar Rui Barbosa em agosto de 2019 da ANADS. A Academia Nacional de Artes e Direito Social é uma entidade cujo objetivo é cultuar e divulgar, os valores morais e intelectuais dos grandes colaboradores da nação brasileira e manter vivo o sentimento cívico de nacionalidade.

Em setembro de 2019, passou a compor o Corpo de Acadêmicos da ANADS, com a outorga do Colar do Mérito Acadêmico, Oficializado pelo Conselho de Honrarias e Méritos, sob o Decreto no 56.678 da Academia Nacional de Artes e Direito Social, ANADS, cujo patrono escolhido  foi o Advogado Luiz Gama. Esse, figura exponencial da História e Cultura do Brasil. Dessa foram, é Acadêmico Imortal da cadeira 47 da ANADS.

Atualmente, além do exercício da Advocacia tributária é administrador judicial, tem como missão ajudar jovens advogados e trazer as ciências jurídicas para mais próximo da população com o site Direito Popular. Vale ressaltar, que presta serviço voluntário no Centro Presbiteriano de Idade e Experiência (CPIE –www.cpie.org.br) e é consultor Jurídico Instituto Brasileiro de Cultura Chinesa – GECHINA (culturachinesadebrasilia.com/main.php).

COMENDADOR RENATO PORTO

AUTOR E CRIADOR DO SITE DIREITO POPULAR: ACESSE

ACESSE NOSSO FACEBOOK

ACESSO NOSSO INSTAGRAM

OAB-DF 53.115

 

ENTREVISTA COM DR. RENATO PORTO